Psicologia Clínica

Etimologicamente a palavra psicologia é a junção de duas palavras gregas, “Psyché” que significa alma/espírito e “logos” que significa estudo/razão, assim sendo, psicologia pode ser entendida como o estudo e compreensão das razões da alma.

Hoje em dia Psicologia define-se, de uma forma sucinta, como a ciência que estuda o comportamento humano.

A psicologia actua não só de forma explicativa acerca do comportamento evidenciado pela pessoa, bem como visa compreender os processos mentais que levam a pessoa a comportar-se de tal forma.

A APIPC dispõe de uma clínica social, com preços acessíveis à comunidade.

Para quem?

Todas as pessoas, em qualquer idade, podem beneficiar das mais valias que um processo terapêutico tem para oferecer.

Descartamos a ideia de que os serviços de psicologia são apenas para quem apresenta uma patologia mental validada e diagnosticada pelos serviços de psiquiatria.

A psicologia incide sobre a compreensão dos fenómenos existentes na vida da pessoa que, no momento, resultam em sofrimento para o próprio.

 

Porquê?

A consulta de psicologia, ao longo do tempo, visa promover o aumento da qualidade de vida de qualquer pessoa que esteja interessada em realizar um processo terapêutico.

O processo terapêutico é um caminho, feito a dois, que irá aprofundar e compreender as motivações mais intrínsecas da pessoa promovendo a tomada de responsabilidade acerca dos seus desejos e frustrações.

A consulta de psicologia promove a independência e autonomia da pessoa, bem como a tomada de responsabilidade pelas suas ações, o que conduzirá a uma vida mais livre e sem sofrimento.